Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Votação de proposta de privatização dos Correios é adiada para agosto

Por Agência Rádio 2 – 15/07/2021

 

Câmara só vai votar projeto de privatização dos Correios em agosto.

Análise foi adiada para após o recesso parlamentar porque a versão preliminar do relatório aos líderes partidários não obteve consenso.

As bancadas querem mais tempo para avaliar o projeto e podem minar o sonho do governo de publicar o edital de privatização até o fim do ano.

A meta da equipe de Paulo Guedes é realizar o leilão até março de 2022.

O entrave esbarra em pontos como a situação dos empregados.

Ajustes do relator sugerem que os servidores tenham estabilidade de 18 meses após a privatização e possam aderir a um plano de demissão voluntária.

A versão proposta prevê demissão voluntária até 180 dias após a desestatização, com indenização de um ano de remuneração, plano de saúde no período e inclusão em programa de requalificação.