Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Variante lambda do coronavírus se espalha na América do Sul e preocupa autoridades de saúde

Por Agência Rádio 2 – 25/08/2021

 

Cepa do novo coronavírus identificada no Peru há um ano preocupa autoridades de saúde.

Em junho, a variante lambda foi classificada como de interesse, e necessita de mais estudos e acompanhamento.

É uma cepa que avança na América do Sul e, segundo a Organização Mundial da Saúde, está associada a taxas de transmissão comunitária em diversos países.

São locais com índices crescentes de casos de Covid-19.

Relatório da OMS aponta que já foram registradas mais de 1.730 sequências da lambda originadas em 31 países.

O Peru é o que tem maior presença da variante. De abril a junho, segundo dados do setor de saúde, 81% dos casos foram dessa sequência genética do vírus.

Chile, Equador e Salvador vêm na sequência.

Estudos realizados por pesquisadores japoneses indicam que a lambda  tem maior transmissibilidade e é mais resistente às vacinas.