Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Valor dos combustíveis continua pesando no bolso do brasileiro; gasolina, etanol e diesel subiram nas bombas na semana passada

Por Agência Rádio 2 – 15/09/2021

 

Motoristas de 3 estados ainda pagam mais de 7 reais pelo litro da gasolina.

O monitoramento semanal da ANP, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, encontrou postos no Rio e Janeiro, no Rio Grande do Sul e no Acre cobrando mais de 7 reais pelo litro do combustível na semana entre os dias 5 e 11 de setembro.

Rio Grande do Sul e Acre foram os estados onde a ANP apurou os preços mais caros:  R$ 7,18 e R$ 7,13 o litro mais caro da gasolina, respectivamente.  No Rio, o valor mais alto cobrado foi 7 reais e 6 centavos.

Na média nacional, a gasolina custou, na semana passada, R$ 6,06, 5 centavos a mais do que os R$ 6,01 cobrados, na média, na semana imediatamente anterior.

Etanol também registrou alta nas bombas. Na semana encerrada em 4 de setembro, o motorista brasileiro pagou, em média, R$ 4,61 pelo litro do etanol. Na semana passada, o preço médio subiu para R$ 4,65.

O preço mais caro do etanol hidratado também foi averiguado no Rio Grande do Sul. No estado, teve motorista pagando R$ 6,99 pelo litro do combustível

O diesel também avançou nas bombas na última semana. O preço médio cobrado no país pelo litro do combustível usado em caminhões, que estava mais estável, passou de R$ 4,63, na semana retrasada, para R$ 4,69, na semana passada – sendo o litro mais caro encontrado no Acre, R$ 6,18 – e o mais barato na Bahia: R$ 3,89