Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Termina hoje prazo para empresas entregarem informe de rendimentos; Receita começa a receber IR na 2ª

Por Agência Rádio 2 – 26/02/2021

 

Empresas têm até esta sexta-feira, 26 de fevereiro, para entregar aos funcionários o informe de rendimentos de 2020.

Precisam recebem o documento tanto aos trabalhadores registrados em regime CLT como os terceirizados.

O documento deve informar o valor exato de tudo o que foi pago ao trabalhador e também os impostos descontados.

A empresa que não entrega o informe, fica sujeita a multa. Isso porque, o documento é imprescindível para o trabalhador acertar as contas com o Leão da maneira correta.

A Receita cruza as informações passadas pelo contribuinte com as que a empresa enviou ao órgão e, se houver alguma diferença, o cidadão cai na malha fina.

Bancos e corretoras de investimentos também precisam disponibilizar o informe aos clientes.

O documento emitido pela instituição financeira deve listas dados sobre conta corrente, poupança, aposentadoria privada ou qualquer tipo de investimento feito pelo contribuinte, que precisa informar à Receita todos os rendimentos do ano.

Também são obrigados a repassar os informes os planos de saúde individuais e os fundos de pensão, cujos dados servem para que o contribuinte possa deduzir os valores cobrados no Imposto de Renda.

A Receita começa a receber as declarações na segunda-feira, primeiro de março. O prazo para entrega termina em 30 de abril.

Não houve correção na tabela e, portanto, segue obrigado a declarar o imposto quem recebeu rendimentos tributáveis cuja soma foi superior a R$ 28.559,70 no ano passado ou mais de 40 mil reais em rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte.

Outras circunstâncias também obrigam o envio do documento ao Fisco. As regras em detalhes podem ser consultadas na página da Receita na internet.