Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Tempo de espera por perícia médica do INSS quadruplicou em dois anos

Por Agência Rádio 2 – 26/04/2022 – Foto: Divulgação

 

O tempo médio de espera por uma perícia médica do INSS praticamente quadruplicou em dois anos.

Saltou de 17 dias, em janeiro de 2020, para 66 dias, atualmente.

O governo federal diz que esse amento é consequência direta da pandemia, que provocou o fechamento de agências da Previdência Social.

Segundo a Previdência, hoje existem cerca de 762 mil agendamentos de perícia médica pendentes.

A perícia feita por um médico do instituto é uma das etapas necessárias para a liberação de determinados benefícios..

Na tentativa de reduzir a fila, o governo federal editou uma Medida Provisória com algumas mudanças, como a dispensa da emissão de parecer conclusivo da perícia médica do INSS para requerimentos de auxílio por incapacidade temporária, o antigo auxílio-doença.

A MP também estabelece que trabalhadores de empresas que têm médico do trabalho, do quadro ou terceirizado, podem receber o benefício sem passar pela perícia presencial do INSS para afastamento de até 90 dias.

Outra medida é o pagamento extra de 61 reais para cada perícia que for feita além da meta estipulada pelo órgão.

Vale lembrar que os peritos médicos do iINSS estão em greve e aproximadamente metade dos cerca 3 mil e 500 médicos os médicos aderiu ao movimento, que tem reivindicações trabalhistas.