Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

São Carlos tem duas empresas interessadas em operar o transporte coletivo municipal

Da Redação – 08/04/2022

 

São Carlos tem duas empresas interessadas em operar o transporte coletivo municipal. A sessão de abertura dos envelopes foi realizada na manhã desta quinta-feira (7). Esta primeira fase visa a habilitação das concorrentes para a próxima fase, quando haverá a análise da proposta financeira.

As empresas MJM Transportes e Serviços, de Ribeirão Preto, e Rigras Transportes Coletivos e Turismo, de Ribeirão Pires, apresentaram os envelopes de acordo com o previsto no edital, estando presentes os representantes credenciados.

A documentação foi para avaliação da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito, segundo a prefeitura. Somente após essa análise de capacidade técnica é que será divulgada a habilitação e qualificação das empresas.

A nova concessionária terá receita estimada em R$ 493,5 milhões dentro de 10 anos. A prefeitura escolherá a empresa que apresentar o menor custo por quilômetro rodado. A transição para a nova empresa deve ocorrer antes do fim do ano.

A idade média máxima dos veículos é de cinco anos. O edital prevê 91 veículos a compor a frota inicial, incluindo ônibus básicos, midiônibus (versão pouco menor dos coletivos) e miniônibus adaptados.