Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Santa Casa de São Carlos e IFSC abriram chamado para 20 pacientes portadores de doença venosa crônica

 Da Redação – 05/04/2022

 

A Santa Casa de São Carlos e o Instituto de Física da USP (IFSC) abriram chamado para 20 pacientes portadores de doença venosa crônica participarem de um tratamento que facilita a circulação de membros periféricos.

O tratamento faz parte de um estudo que desenvolve uma bota pneumática com lasers incorporados. O procedimento já foi utilizado em atletas, com bons resultados, segundo o IFSC.

Nesta chamada, os candidatos devem ter entre 50 e 85 anos, laudo médico confirmando a condição de doença venosa crônica, não ter úlceras abertas, tampouco histórico de doenças cardiovasculares, oncológicas, doença arterial periférica ou quadro de diabetes. Fumantes também não são habilitados a receber o tratamento.

Os pacientes interessados em participar neste projeto de pesquisa deverão se cadastrar na unidade de terapia fotodinâmica, localizada na Santa Casa da Misericórdia de São Carlos, através do telefone (16) 3509-1351.

A doença venosa crônica é o resultado de uma alteração na estrutura do sistema venoso nos membros inferiores (pernas e pés), onde as veias perdem a função de transportar o sangue venoso de volta para o coração, provocando as famosas varizes.

Os principais sintomas são a sensação de peso, dor, e frequente edema nas pernas, tornozelos e pés – principalmente no final do dia -, cansaço, prurido, dormência e cãibras, principalmente durante a noite.