Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Risco de câncer da próstata já pode ser identificado nos genes; 66 mil homens terão a doença em 2020

Tumor mais comum entre homens a partir dos 50 anos, o câncer da próstata é resultado da multiplicação desordenada das células.

A estimativa do Instituto Nacional do Câncer, o INCA, é que cerca de 66 mil homens desenvolvam a doença em 2020.

O oncologista Diogo Rosa diz que somente com exames preventivos frequentes é possível descobrir o câncer da próstata na fase inicial e evitar seu avanço.

A importância de prevenir o câncer da próstata é reforçada pela Campanha Novembro Azul, voltada para a saúde masculina.

Os oncologistas reforçam que a doença geralmente não provoca sintomas e em 95 por cento dos casos é diagnosticada em estágio avançado.

Os médicos explicam que novas técnicas possibilitam avaliar os genes que aumentam o risco de câncer de próstata.

lembrando que a campanha Novembro Azul, realizada este mês, busca promover uma maior conscientização do homem de que ele precisa se cuidar.