Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Relatório McCarrick, os bispos dos EUA: profunda tristeza pelas vítimas

Por Amedeo Lomonaco – Vatican News
O arcebispo de Los Angeles dom José H. Gomez, presidente da Conferência Episcopal dos EUA, comenta o documento da Secretaria de Estado sobre o ex- cardeal e reafirma: “continuamos a lutar pela conversão do nosso coração”.

“Às vítimas de McCarrick e às suas famílias, e a cada vítima de abusos sexuais por parte do clero, expresso a minha profunda tristeza e peço as mais profundas desculpas”: foi o que o presidente da Conferência Episcopal dos Estados Unidos, o arcebispo de Los Angeles dom José H. Gomez, escreveu numa declaração sobre o “Relatório sobre o conhecimento institucional e o processo decisório da Santa Sé relativo ao ex-cardeal Theodore Edgar McCarrick”. “Este – diz dom Gomez no comunicado – é outro capítulo trágico na longa luta da Igreja para enfrentar os crimes de abuso sexual cometidos pelo clero”. “Eu e os meus irmãos bispos – lê-se ainda – estamos empenhados em fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para ajudar vocês a irem avante e para assegurar que ninguém sofra o que vocês foram obrigados a sofrer”.

Dom Gomez: oração e conversão

A exortação dirigida a todos aqueles que sofreram abusos por parte de um sacerdote, um bispo ou de alguém na Igreja, é a de denunciar tais crimes às autoridades policiais e eclesiásticas. O arcebispo de Los Angeles recorda também que a informação sobre como e onde denunciar casos de abuso também pode ser encontrada através da página na Internet da Conferência Episcopal dos Estados Unidos. O Relatório sobre McCarrick, recorda o prelado, sublinha a necessidade de nos arrependermos e crescermos no nosso compromisso de servir o povo de Deus. “Todos nós continuamos a rezar e a lutar pela conversão do nosso coração e a seguir Jesus Cristo com integridade e humildade”.