Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Pedido de cassação do prefeito de Araraquara, Edinho Silva, é rejeitado pela CÂmara Municipal

Da Redação – 04/08/2021

 

Por 13 votos a 4, os vereadores de Araraquara rejeitaram o requerimento de investigação e cassação do mandato do prefeito Edinho Silva (PT), na sessão da Câmara, realizada nesta terça-feira (3), de forma virtual.

O pedido de Impeachment foi feito com base nas denúncias de irregularidades na aquisição de respiradores durante a pandemia de covid-19. E foi assinado por Wagner Tadeu Silva Prado, o Cel. Prado (Podemos), que concorreu a vice-prefeito da cidade, nas eleições de 2020, na chapa do Dr. Lapena (Patriotas). O requerimento foi protocolado na tarde de segunda-feira (2), com a presença do Deputado Eduardo Bolsonaro (PSL).

Votaram a favor do requerimento apenas os três vereadores do Patriotas: Marchese da rádio Carlão do Joia e Marcos Garrido, e o vereador do Podemos, Lineu Carlos de Assis. O resultado da votação foi comemorado por vários manifestantes em apoio ao prefeito que estavam na frente da Câmara Municipal.