Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Papa recorda dia de São João Paulo II e retoma ensinamento do santo

Da Redação | Imagem da Internet – 22/10/2021

 

A Igreja celebra nesta sexta-feira, 22, o dia de São João Paulo II. O Papa Francisco recorda, nesta ocasião, um dos ensinamentos do santo.

“Recordem-se sempre do que nos disse São #JoãoPauloII: “Nenhum falso slogan, nenhuma ideologia errada, nenhuma condescendência com a tentação de ceder a compromisso com aquilo que não vem de Deus””, escreveu Francisco em sua conta no Twitter.

São João Paulo II teve um dos mais longos pontificados da história: quase 27 anos. Além do carisma que lhe foi característico, escreveu importantes documentos, empenhou-se no diálogo inter-religioso, no ecumenismo, na defesa da vida e da paz. Também foi muito importante na área diplomática: em seu pontificado, a Santa Sé aumentou muito suas relações diplomáticas com outros países e também o número de novas Nunciaturas Apostólicas.

Um pontificado especial também para as famílias e os jovens. Foi São João Paulo II quem institui o Encontro Mundial das Famílias e a Jornada Mundial da Juventude, ambos realizados até hoje. Outro grande feito de seu pontificado foi a promulgação do Catecismo da Igreja Católica (CIC), em outubro de 1992.

Morte e canonização

Quando morreu, em 2005, o dia de seu sepultamento reuniu, em Roma, uma multidão de mais de quatro milhões de pessoas de todas as partes do mundo. O povo o aclamava como “santo súbito”, pedindo que fosse declarado santo imediatamente.

Apenas seis anos após a sua morte, tornou-se beato. A beatificação aconteceu em Roma, em 1º de maio de 2011, em cerimônia presidida pelo então Papa Bento XVI, hoje Papa emérito. A data teve significado especial, já que foi o Domingo da Divina Misericórdia, festa litúrgica instituída por João Paulo II.

canonização veio em 2014, junto a outro grande santo da Igreja: São João XXIII. A data também foi na Festa da Divina Misericórdia daquele ano: 27 de abril.