Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Papa: as lágrimas de Maria fazem-nos pensar nas de Jesus por Jerusalém

Por Vatican News – 20/09/2021
Depois de rezar o Angelus, o Papa Francisco dirigiu seu pensamento às vítimas de inundações no México, às pessoas detidas injustamente em países estrangeiros e aos peregrinos reunidos no Santuário de La Salette, na França, no 175º aniversário das aparições.

Antes de saudar os presentes, muitos dos quais identificados pela bandeira do país de proveniência – poloneses, eslovacos, hondurenhos – o Papa expressou sua proximidade às vítimas das inundações no Estado mexicano de Hidalgo, “especialmente aos doentes que morreram no hospital de Tula e seus familiares”.

O Santo Padre também assegurou sua oração pelas “pessoas detidas injustamente em países estrangeiros”:

Infelizmente, existem vários casos, com causas diferentes e às vezes complexas. Faço votos que, no zeloso cumprimento da justiça, essas pessoas possam regressar à sua pátria o mais rapidamente possível.

Por fim, as palavras dirigidas aos fiéis reunidos no Santuário de La Salette, na França, no 175º aniversário da aparição de Nossa Senhora, “que se manifestou em lágrimas a dois jovens”:

As lágrimas de Maria fazem-nos pensar nas lágrimas de Jesus por Jerusalém e na sua angústia no Getsêmani. São um reflexo da dor de Cristo pelos nossos pecados e um apelo sempre oportuno para nos abandonarmos à misericórdia de Deus.