Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Pandemia perde força, segundo estudos de Londres

Taxa de transmissão do coronavírus cai, no Brasil, e atinge o menor nível desde abril.

É o que aponta o relatório semanal do Imperial College, de Londres, considerado referência no assunto.

Quando essa taxa, chamada por aqui de RT, que seria o ritmo de contágio, está em um, quer dizer que cada 100 pessoas infectadas transmitem o vírus para mais 100.

O ideal é que ela fique sempre abaixo disso, para a pandemia pare de avançar.

No dia 30 de agosto, o RT foi de 0,94, no Brasil, o que indica que a disseminação da Covid-19 pode perder força.

Para se ter uma ideia, a taxa chegou a 2,81, no fim de abril.

Ou seja, cada 100 pessoas infectadas transmitiam o coronavírus pra mais 281, aproximadamente. Hoje, elas transmitem para 94.

Apesar de algumas pequenas variações para cima, um dia ou outro, a taxa está em queda desde 10 de maio.

Especialistas, porém, alertam que esse cenário, de RT abaixo de um, pode ser de curto prazo.

E que, se a população não respeitar as medidas de higiene e distanciamento, ele vai aumentar de novo.

Os responsáveis pelo estudo também destacam que a maneira de divulgar os dados do País tem passado por mudanças.

O que exige cuidados na hora de analisar esses resultados.

 

Por Agência Rádio 2

Colabore com a Rádio Diocesana, seja um Amigo da Rádio. Entre em contato no fone (16) 3362-4485 ou pelas nossas Redes Sociais.