Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Governo vai cobrar por SMS que 2,6 milhões de pessoas devolvam auxílio emergencial

Por Milena Abreu, da Agência Rádio 2 – 04/12/2020

 

Brasileiros que receberam indevidamente o auxílio emergencial serão cobrados pelo governo federal.

Cerca de dois milhões e 600 mil pessoas vão receber mensagens de texto no celular, os conhecidos SMSs, com instruções para que devolvam o auxílio emergencial recebido sem que tivessem direito ao benefício.

O Ministério da Cidadania prevê enviar, ao todo, 4 milhões e 800 mil mensagens de celular, já que está considerando a possibilidade de ter de mandar mais de uma mensagem a uma mesma pessoa, caso os valores não sejam devolvidos depois do recebimento do primeiro SMS.

Segundo informações divulgadas pela TV Globo, cálculos da pasta estimam que, se as pessoas devolverem pelo menos uma parcela de 600 reais, o montante recuperado aios cobres públicos beirar um bilhão e 600 milhões de reais.

As mensagens serão enviadas a partir dos próximos dias. Receberão o alerta aqueles cujos cruzamentos de dados oficiais identificaram irregularidades.

Para enviar as mensagens de celular, o governo vai gastar cerca de 162 mil reais.