Esporte: Rodada do fim de semana do Brasileirão, com destaque o clássico entre São Paulo e Santos e para o novo líder

Por Agência Rádio 2 – 21/06/2021

 

São Paulo joga mal outra vez e é derrotado pelo Santos, no clássico, por 2 a 0, gols de Marinho e Gabriel Pirani.

De novo bastante desfalcado, é verdade, sem vários atletas machucados, o tricolor não conseguiu criar e viu a defesa cometer falhas decisivas.

Com o placar deste domingo, na Vila, pela quinta rodada do Brasileirão, o time segue na zona de rebaixamento e sem vencer, no nacional.

Por isso, o técnico Crespo pediu paciência para a torcida e disse que o desgaste lá de trás, da maratona de jogos do Paulistão, tem pesado agora:

Pelos lados do Santos, destaque para a boa atuação de Marinho, o melhor em campo, não só pelo gol, mas também pela criatividade e pelo bom desempenho nas jogadas individuais.

O camisa 11 vivia uma fase ruim, que gerou várias críticas, nos últimos dias. E, até por isso, foi elogiado, agora, pelo técnico Fernando Diniz:

Enquanto o SP está na zona de rebaixamento, o Santos ganhou quatro posições e assumiu o nono lugar, com sete pontos.

Lá em cima, destaque para o Atlético-PR, que se tornou o novo líder ao bater o xará goianiense, em casa, por 2 a 1.

O Furacão chegou a 12 pontos, contra 11 do agora segundo colocado Fortaleza, que empatou, no Castelão, com o Fluminense, por 1 a 1.

Destaque, ainda, para o novo terceiro colocado, o Red Bull Bragantino, que tem os mesmos 11 pontos do Fortaleza.

O massa bruta simplesmente venceu o Flamengo, atual campeão, no Maracanã, por 3 a 2, no único jogo do sábado.

Quem fecha o G4 com 10 pontos é o Palmeiras, que fez 2 a 1 no América, no Alliaz Parque.

Sem esquecer que o Atlético-MG, que joga hoje, oito da noite, no horário de Brasília, contra a Chapecoense, em casa, se vencer pode pular do quinto lugar para a liderança.

O fim de semana de Brasileirão ainda teve Inter 1, Ceará também 1; 0 a 0 para Bahia e Corinthians; e Juventude 1, Sport 0.

Sem esquecer que a partida entre Cuiabá e Grêmio foi adiada.