Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Esporte: Destaque para as vitórias de Palmeiras e Santos, que deixaram o Peixe vivo na Libertadores, e os tropeços de Flamengo e Inter

Por Agência Brasil – 12/05/2021

 

De quase eliminado, a vice-líder do grupo.

Na noite de ontem, um Santos absolutamente pressionado, já que uma derrota poderia eliminar a equipe, e desgastado, depois do duelo do fim de semana com o São Bento, venceu o Boca Juniors, na Vila, por 1 a 0, e ganhou vida nova, na Libertadores.

O gol de Felipe Jonatan fez o Peixe chegar a seis pontos, mesmo número do clube argentino, que perde nos critérios de desempate.

A duas rodadas do fim da primeira fase, o líder do grupo é o Barcelona de Guayaquil, com nove pontos.

O detalhe é que o Santos venceu mesmo sem dois de seus principais jogadores, Alisson e Marinho, lesionados.

Depois, o goleiro João Paulo destacou a superação da equipe:

Já o Palmeiras está classificado para o mata-mata da Libertadores com duas rodadas de antecedência.

A vaga foi confirmada graças à vitória por 1 a 0 sobre o Del Valle, no Equador, gol de Rafael Veiga.

Chamou a atenção, na partida, o fato de o Verdão ter se defendido bastante e às vezes chamado o adversário pra cima dele.

Depois, o técnico Abel Ferreira deixou claro que foi uma estratégia para driblar a altitude e evitar que os atletas tivessem que correr demais.

E que a decisão foi tomada em conjunto com os jogadores:

O Palmeiras, agora, é o único brasileiro com 100 por cento de aproveitamento, na Libertadores.

Já que o Flamengo, que tinha vencido todas, empatou por 2 a 2, fora de casa, com o Unión la Calera, do Chile.

Anda assim, o rubro-negro pode se classificar nesta quinta, caso a LDU, do Equador, vença o Vélez, da Argentina.

Já o Internacional perdeu, na Venezuela, para o Deportivo Táchira, por 2 a 1, e estacionou nos seis pontos.

Ele ainda lidera o grupo, mas empatado com o Táchira e o Always Ready, da Bolívia.