Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Em meio a especulações, Ministério da Saúde nega saída de Eduardo Pazuello

Por Agência Rádio 2 – 15/03/2021

 

Cresce a pressão nacional e internacional pela saída do general Eduardo Pazuello do ministério da Saúde.

Neste fim de semana, o presidente Jair Bolsonaro se reuniu com médica cardiologista Ludhmila Hajjar, que tem sido a mais cotada para assumir o comando da pasta federal em meio ao avanço da pandemia de Covid-19.

Mas, apesar de confirmar o encontro, o Palácio do Planalto não confirma o assunto tratado.

Interlocutores do governo informaram que Pazuello teria pedido demissão alegando problemas de saúde – informação que foi divulgada neste domingo pelo jornal O Globo.

No entanto, a informação foi negada pela pasta federal.

Em nota de esclarecimento divulgada na noite deste domingo, o Ministério da Saúde diz que “o ministro Eduardo Pazuello segue à frente da Pasta, com sua gestão empenhada nas ações de enfrentamento da pandemia no Brasil.”

A nota esclarece que o general se encontra em perfeito estado de saúde e que não pediu demissão ao presidente da República.