Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Dom Eduardo preside o Sacramento da Crisma na Paróquia Santa Rita de Cássia

Assessoria de Imprensa da Diocese de São Carlos com informações de Rodolfo Hernane – 25/08/2021

No sábado (21), Dom Eduardo Malaspina presidiu a Santa Missa na Paróquia Santa Rita de Cássia em São Carlos, onde foi celebrado o Sacramento da Crisma. Na celebração, participaram também o Paraco Pe Valdir do Carmo André, o Diácono Mauro Alonso e o Diácono José Roberto.

Foram 31 jovens, sendo eles: Beatiz, Bruna, Eduardo, Guilherme, Helena, Heloísa, Isabela, Jadiane, João Davi, Larissa, Leonardo, Luana, Lucas, Maria Luiza, Nitchelly, Nicoly, Pedro Miguel, Poliana, Polyana, Raíssa, Thais, Victor, Victória, Victória Gabrielly, Pedro, Octávio, Érika, João, Luis Miguel, Henrique e Simaria. Receberam de Dom Eduardo, o envio do Espírito Santo, sob o sinal da imposição das mãos e da unção do óleo do Crisma, sendo confirmado por cada jovem o seu batismo, a fortaleza necessária para continuar a exercitar sua fé na Igreja Católica, a testemunhar o amor e o poder do Senhor com palavras e atos.

Dom Eduardo, afirmou aos jovens “o SIM de vocês está pronto, e que vocês possam sempre amar a Deus sobre todas as coisas e ter como lema de vida: Eu e minha casa serviremos ao Senhor”. E acrescentou convidando os jovens que permanecessem firmes na igreja, participando dos grupos de jovens e sendo também novos catequistas, “jovens evangelizando jovens”. Por fim, o bispo louva a Deus pela vida do padre e dos diáconos, pois são eles os primeiros catequistas e evangelizadores da igreja, e logo após, louva Deus pela vida dos catequistas Claudia e Geraldo, que trabalharam para a formação dos crismados, lembrando que no dia 11 de maio o Papa Francisco institui o Ministério de Catequistas, ser catequista é uma vocação.

Ao final da Santa Missa, o Pároco Padre Valdir, agradece a presença de Dom Eduardo na Paróquia para presidir a instituição da Crisma aos jovens, deixando as portas abertas sempre para a presença do bispo que será sempre bem acolhido por toda comunidade.