Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Bolsonaro defende o uso de spray nasal desenvolvido em Israel no tratamento da Covid-19

Por Agência Rádio 2 – 16/02/2021

 

Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, poderá receber pedido para o uso emergencial de um spray nasal, no tratamento de casos graves de Covid-19.

A solicitação deverá ser feita pelo presidente Jair Bolsonaro, que comentou em sua rede social a eficácia próxima a 100 por cento do medicamento produzido em Israel.

De acordo com o Centro Médico de Tel Aviv, na primeira fase o spray foi testado em 30 pacientes com quadros moderados a graves e todos se recuperaram, a maioria em até cinco dias.

Em texto publicado pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial, o hospital informa que a substância combate a tempestade de citocinas, apontada como uma das responsáveis por muitas das mortes associadas à Covid-19.

O spray é inalado uma vez por dia e direcionado diretamente para os pulmões, pelo período de cinco dias.

Ele ainda está em fase experimental e Bolsonaro já demonstrou interesse em incluir a participação do Brasil na fase três de testes.

O presidente também compartilhou, em sua rede social, publicação do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, sobre uma possível cooperação entre os dois países para o desenvolvimento de medicamentos e vacinas contra o coronavírus.