Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Aéreas devem amargar prejuízo de quase US$ 160 bilhões entre 2020 e 2021

Por Milena Abreu, da Agência Rádio 2

 

A pandemia de coronavírus afetou negativamente diversos setores da economia mundial.  

Um dos primeiros e mais afetados, sem dúvida, foi o setor aéreo.  

Cálculos mais recentes da Associação Internacional do Transporte Aéreo, conhecida pela sigla IATA, apontam para uma perda de 157 bilhões de dólares entre 2020 e 2021.  

Previsão que, inclusive, que foi revisada para cima, em razão da segunda onda de casos de coronavírus que atinge o mundo, em especial países da Europa. 

Em junho, pra você ter ideia, os prejuízos calculados giravam em torno de 100 bilhões de dólares.  

Em comunicado, a IATA, que reúne 290 companhias aéreas ao redor do mundo, disse que os livros de história, no futuro, recordarão 2020 como o pior ano financeiro para o setor.