Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

90 anos da Rádio Vaticano: as palavras dos Pontífices

Por Vatican News – 11/02/2021
Por ocasião do aniversário da nossa emissora, recordamos as palavras dos Papas nos microfones da Rádio. Dos apelos à paz às reflexões sobre comunicação. A voz dos Papas desde Pio XI a Francisco

Oito pontífices em 90 anos falaram nos microfones da Rádio Vaticano, a “rádio do Papa”, lembrando frequentemente, em aniversários e em reuniões com funcionários, sua missão evangelizadora e sua capacidade de unir os fiéis de todo o mundo e das comunidades mais isoladas. Uma voz de paz e amor que há quase um século acompanha os acontecimentos da humanidade desde 12 de fevereiro de 1931. A seguir apresentamos a voz dos Papas nos microfones da Rádio Vaticano, desde Pio XI até Francisco.

Pio XI e os primórdios da Rádio Vaticano

Foi o inventor do rádio Guilherme Marconi, encarregado pelo Papa Pio XI, o responsável pela execução da estação de rádio e foi o primeiro a falar no microfone, deixando logo a palavra para o Pontífice, que gravou esta primeira radiomensagem em latim.

Sendo, pelo misterioso desígnio de Deus, Sucessores do Príncipe dos Apóstolos, isto é, daqueles cuja doutrina e pregação por ordem divina é destinada a todos os povos e a toda criatura (Mt 28, 19; Mc 16, 15), e podendo nos valer por primeiro desta admirável invenção de Marconi, Nos dirigimos antes de tudo a todos os homens.

Pio XII e o seu apelo à paz

Em 24 de agosto de 1939, uma semana antes da invasão da Polônia pela Alemanha nazista, o Papa Pio XII gravou uma radiomensagem dirigida aos governantes e aos povos avisando “o perigo de guerra é iminente”. “Nada se perde com a paz. Tudo pode ser perdido com a guerra”, são suas históricas e proféticas palavras.

João XXIII e a fraternidade entre os povos

Era 1961, o ano que começou com o juramento de John Fitzgerald Kennedy, com a estréia dos Beatles, e terminou com a intervenção dos EUA no Vietnã. Em 12 de fevereiro, o Papa João XXIII fez um discurso por ocasião do 30º aniversário da Rádio Vaticano, um exemplo de técnica a serviço da fraternidade dos povos.

Paulo VI e a voz de consolação para os fiéis

Em 27 de fevereiro de 1971, o Papa Paulo VI encontra-se com os funcionários da Rádio Vaticano para o 40º aniversário de sua fundação e recorda a importância de chegar aos fiéis em todas as partes do mundo.

João Paulo I e seu encontro com a imprensa internacional

Em setembro de 1978 foram assinados os Acordos de Camp David entre Israel e Egito nos EUA. Alguns dias antes, em 1º de setembro, João Paulo I encontrou-se com representantes da imprensa internacional e lembrou o compromisso de divulgar as notícias sobre a Igreja.

João Paulo II: informação, evangelização, catequese

Em agosto de 1980 nasceu o sindicato Solidarnosc na Polônia após uma greve nos estaleiros de Gdansk. Em 5 de março daquele ano, o Papa João Paulo II visitou as instalações da Rádio Vaticano e recordou a missão da Rádio a partir de seu lema: Laudetur Iesus Christus

Bento XVI e os ouvintes: a família de Deus

Aproximando-se aos nossos dias, em 3 de março de 2006, por ocasião do 75º aniversário de fundação da Rádio Vaticano, Bento XVI visitou as instalações do Palazzo Pio. Do estúdio o Papa se dirigiu diretamente aos ouvintes, uma família de Deus que não conhece fronteiras.

Francisco: comunicar-se como testemunhas de Cristo

Após a reforma da mídia do Vaticano em 2015 desejada pelo Papa Francisco, a Rádio Vaticano começou a fazer parte do novo Dicastério para a Comunicação. Comunicar é testemunhar, recorda Francisco Em 23 de setembro de 2019, na plenária do dicastério.