Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

2 Aviões produzidos pela Embraer são vendidos para Hungria

Dois aviões militares KC-390 Millennium produzidos pela Embraer serão vendidos para o Governo da Hungria.

O anúncio da assinatura do contrato foi feito pela empresa, que tem a fábrica para produção na cidade de Gavião Peixoto. as entregas devem ocorrer a partir de 2023.

O valor do contrato, que contempla ainda treinamento de pilotos e técnicos, serviços e suporte, é de cerca de US$ 300 milhões, segundo a fabricante de aviões brasileira.

As vendas na área de defesa podem ajudar a amenizar os prejuízos causados pela pandemia do coronavírus principalmente na área de avião comercial.

Com configuração de reabastecimento aérea, as aeronaves serão as primeiras do mundo com a opção para unidade de terapia intensiva – recurso essencial para o desempenho de missões humanitárias.

o KC-390 é um projeto da Força Aérea Brasileira (FAB) que, em 2009, contratou a Embraer para realizar o desenvolvimento da aeronave. Foram sete anos de estudo em parceira com Argentina, Portugal e República Tcheca para desenvolver o protótipo.

Em 2019, a primeira aeronave KC-390 foi entregue ao Governo Brasileiro. a força aérea brasileira utilizou o avião em diversas missões críticas no Brasil e no exterior com alto grau disponibilidade.

O Governo de Portugal também assinou um contrato para a aquisição de cinco C-390 Millennium em 2019, que se encontram atualmente na linha de produção e estarão em serviço em 2023.